quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Tipo Alfredo



Ando tão cansada da exaustiva jornada de trabalho e estudos - até por isso que andei sumida daqui também - que o namorado quis preparar o jantar para mim. Ele escolheu a receita, foi ao supermercado e comprou os ingredientes direitinho. Só que eu resolvi dar uma "forcinha". Para o molho, o namorado escolheu o chamado Alfredo. É cremoso e este em especial também é surpreendentemente apimentado.
Utensílios:
- Panelas;
- Fouet;
- Frigideira;
- Ralador;
- Pilão (sugestão opcional);
- Escorredor de macarrão.
Ingredientes:
- 250 gramas de salmão limpo e picado em lascas;
- 250 gramas de talharim;
- 1 xícara de creme de leite fresco;
- 1 colher de sopa de manteiga;
- 1 colher de sopa de alho em pó ou em flocos secos;
- 1/2 colher de sopa de cebola em pó;
- Pimenta Caiena à gosto;
- Pimenta-do-reino branca à gosto;
- Azeite;
- Sal à gosto;
- 100 gramas de parmesão ralado.
Modo de preparo:
1. Comece pelos temperos. Num pilão ou numa tigela pequena, misture o alho, a cebola, as pimentas e umas pitadas de sal;
2. Corte o salmão em lascas grossas e tempere com metade dos temperos misturados;
3. Ferva a água com sal para cozinhar o talharim;
4. Enquanto a massa cozinha, frite o salmão numa frigideira com azeite. Reserve.
5. Quando o talharim estiver al dente, desligue o fogo e escorra;
6. Numa panela, derreta a manteiga e, em seguida, acrescente o creme de leite e o restante do tempero. Mexa bem com a ajuda de um fouet. Deixe reduzir até ficar cremoso. Desligue o fogo e junte o salmão;
7. Em dois pratos, coloque o talharim e despeje o molho com salmão por cima de cada um. Finalize com parmesão ralado. Sirva bem quente.
Curiosidade
O molho Alfredo tem esse nome por conta do Fetuccine Alfredo, criado pelo próprio Alfredo di Lelio em seu restaurante Alfredo Allá Scrofa, em Roma.

3 comentários:

  1. Oi Bianca,
    Imagino seu cansaço, Bianca . Eu também e, muitas vezes, passei por isso. O consolo é que tudo passa e, quando isso acontece ficamos mais "sábias", mais experientes.
    Ainda bem que o namorado dá a "mão" preparando delícias como essas.
    Bj e ótima semana.
    Lylia

    ResponderExcluir
  2. HISTORY OF ALFREDO DI LELIO CREATOR IN 1908 OF “FETTUCCINE ALL’ALFREDO”, NOW SERVED BY HIS NEPHEW INES DI LELIO, AT THE RESTAURANT “IL VERO ALFREDO” IN ROME, PIAZZA AUGUSTO IMPERATORE 30

    With reference of your article I have the pleasure to tell you the history of my grandfather Alfredo Di Lelio, who is the creator of “fettuccine all’Alfredo” in 1908 in restaurant run by his mother Angelina in Rome, Piazza Rosa (Piazza disappeared in 1910 following the construction of the Galleria Colonna / Sordi).
    Alfredo di Lelio opened the restaurant “Alfredo” in 1914 in Rome, after leaving the restaurant of his mother Angelina. In this local spread the fame, first to Rome and then in the world, of “fettuccine all’Alfredo”.
    In 1943, during the war, Di Lelio sold the restaurant to others outside his family.
    In 1950 Alfredo Di Lelio decided to reopen with his son Armando his restaurant in Piazza Augusto Imperatore n.30 "Il Vero Alfredo" (“Alfredo di Roma”), whose fame in the world has been strengthened by his nephew Alfredo and that now managed by his nephew Ines, with the famous “gold cutlery” (fork and spoon gold) donated in 1927 by two well-known American actors Mary Pickford and Douglas Fairbanks (in gratitude for the hospitality).
    See also the site of “Il Vero Alfredo” http://www.ilveroalfredo.it, which also contains information on franchising.
    I must clarify that other restaurants "Alfredo" in Rome do not belong to the family tradition of "Il Vero Alfredo" in Rome.
    I inform you that the restaurant “Il Vero Alfredo” is in the registry of “Historic Shops of Excellence” of the City of Rome Capitale.
    Best regards Ines Di Lelio

    ResponderExcluir
  3. Oi Bianca,
    1 - Curioso, não sabia que a receita do Fettuccine Alfredo levava salmão...
    2 - fiz algo parecido neste findi
    3 - parecido porque:
    a) uso alho e cebola de verdade, isto é, cru mesmo, cortado na mão ( coma faca é lógico), nada de seco, ou em pó,
    b)a pimenta que usei foi a que estava á mão, um mix que um amigo trouxe da espanha pra mim, o salmão foi em cubos mesmo, só virou ladca depois de dar uma fritada, e do "no mexe pra lá mexe pra cá",
    c) não uso medidas e quantidades, só o olhômetro

    4 - o que é 'fouet????

    5 - não sei no sabor mas no visual ficou bem parecido com esse aí ( e apimentado tbm, a gente gosta )

    6 - adorei seu blog, parabéns

    Paulo Martins - CJF

    ResponderExcluir